O Irmão de Paul Walker disse que o elenco de "Velozes e Furiosos" não abandonou sua família. (video)

ADVN - ENTREVISTA EXCLUSIVA
O Irmão de Paul Walker: o elenco de "Velozes e Furiosos" tem sido "surpreendente" sempre presente para a família no quinto aniversário da morte.

É irritante perceber que passaram cinco anos desde a morte trágica de Paul Walker, o irmão de Paul, Caleb, dono de um restaurante, conversou sobre o documentário I Am Paul Walker, que acaba de ser lançado no VOD hoje.

"Eles têm sido incríveis", revelou Caleb sobre como o elenco da franquia Velozes e Furiosos tratou a família de Paul. “Cada um deles esteve lá para toda a minha família. Eu não moro em Los Angeles, nem estou mais na indústria, então não posso vê-los tanto quanto gostaria. Mas eu adoro ouvir as histórias que eles contam. Vin [Diesel] e Tyrese [Gibson] têm algumas experiências hilariantes com ele. Mas Cody [Walker] vivendo em Los Angeles e estando na indústria realmente conseguiu manter um ótimo relacionamento com todos eles.

Nós chamamos Vin nosso padrinho e Tyrese é como um irmão mais velho de outra mãe. Eles também continuam a ajudar a aumentar a conscientização sobre o legado de Paul, ROWW - Reach Out Worldwide ”.


Caleb passou a nos dizer se a filha de Paul, Meadow Walker, que completou 20 anos em 4 de novembro, está em contato com ele e os co-protagonistas de seu falecido pai. "Meadow está viajando, modelando e sendo jovem", ele nos disse. “Divertir-se, descobrir a si mesma e estou ansioso para passar mais tempo com ela no futuro. Orgulhoso dela."

Paul teria 44 anos hoje. A estrela de Velozes e Furiosos morreu quando o Porsche Carrera GT em que esteve, juntamente com Roger Rodas, bateu a uma velocidade de 100 milhas por hora em 2013. No momento da sua morte, Paul estava no meio das filmagens de velozes e furiosos 7.



As informações é do site: Hollywood Life

                                        

                                                         Os livros mais vendidos no Amazon:
Os livros mais vendidos no Amazon:






Comentários