Gal Gadot fala contra o casamento infantil.

Ela é conhecida por assumir as maiores missões ao estrelar como a Mulher Maravilha.

Mas Gal Gadot tornou sua luta pessoal lutar por garotas ao redor do mundo enquanto compartilhava uma selfie para comemorar a campanha #vowforgirls.

A atriz de 35 anos estava deslumbrante em um piscar de olhos compartilhada com seus 44 milhões de seguidores no Instagram, onde ela implorou a sua comunidade para reconhecer uma crise global.

“Obrigada, @robinwright, por me nomear e esclarecer essa causa importante e esta organização, @vowforgirls”, escreveu ela.

'É 2020 e milhões de meninas ainda estão sendo forçadas a casar-se na adolescência em todo o mundo - isso precisa parar!'

A campanha Vow to End Child Marriage é um '501c3 que dá aos casais, empresas e ao público o poder de ajudar a acabar com o casamento infantil', de acordo com o site Vow.

Em 2019, a receita do benefício sem fins lucrativos '150 organizações comunitárias em seis países recebeu doações distribuídas por nossa organização irmã, o Girls First Fund. Noventa por cento das doações foram feitas para mulheres jovens e organizações lideradas por mulheres. '

Gal acrescentou: 'As meninas nesta era devem ter o direito de escolher com quem e quando se casar, elas devem ter a liberdade de escolher seu próprio caminho. Com todo o amor e apoio, eu #vowforgirls.'

Robin Wright despertou a participação social há duas semanas com seu próprio post em preto e branco dedicado a acabar com os '12 milhões de casamentos infantis que acontecem todos os anos.

Ela marcou outras celebridades Jennifer Aniston e Chelsea Handler para postarem suas selfies pela causa.

Kendall Jenner apoiou a causa no ano passado ao posar com uma camiseta "Eu não faço", com os lucros beneficiando a campanha de casamento #endchild.

Seja um parceiro do nosso Blog: Fale conosco.

Segue o "Águas da vida" no Facebook


O romance do ano:
Adelaide - A Duquesa

 

Comentários