Britney Spears 'culpa' seu pai Jamie por ficar menos tempo com seus filhos

ADVN - A estrela pop Britney Spears de 39 anos o considera responsável por seu saldo desfavorável de custódia porque ele supostamente agrediu seu filho de 15 anos, Sean Preston, informou a Us Weekly na sexta-feira.

A reportagem segue a alegação de Jamie à CNN de que ele e Britney estavam em 'bons termos' até agosto deste ano, após o que eles não se falaram.

'Para Jamie dizer que ele e Britney estavam em' bons termos 'até agosto é ultrajante', disse a fonte. 'Agosto de 2019, talvez, mas não agosto de 2020.'

Eles continuaram culpando Jamie, que é responsável pela tutela de longa data de Britney, por ela passar menos tempo com Sean e seu outro filho, Jayden James, de 14 anos.

'[Jamie] é a razão pela qual ela tem muito menos tempo de custódia com seus filhos do que antes', continuou a fonte.

“O incidente com Jamie e Preston mudou tudo. Foi um grande golpe para Britney. Ela, Kevin, Preston e Jayden viram Jamie de maneira diferente desde então.

Em setembro de 2019, o ex-marido de Britney, Kevin Federline, disse à polícia que Jamie teve uma discussão intensa com Sean, que tinha apenas 13 anos na época.

Sean havia se trancado em um quarto, mas Jamie arrombou a porta e sacudiu seu neto violentamente, o TMZ relatou na época.

Embora o patriarca da família Spears tenha sido investigado pelo Departamento do Xerife do Condado de Ventura, nenhuma acusação foi feita contra ele.

Kevin conseguiu obter uma ordem de restrição contra seu ex-sogro no mesmo mês.

Pouco depois do incidente, Britney e Kevin formalizaram um novo acordo de custódia, com as crianças passando 70% do tempo com o pai e 30% com a mãe.

Anteriormente, os pais tinham uma divisão de 50-50.



Agencia Dailymail


Seja um parceiro do nosso Blog: Fale conosco.

Segue o "Águas da vida" no Facebook

Segue no Instagram: @aguasdavidanews


 

Comentários