Liberado a vacina contra o covid 19 na Inglaterra.

ADVN - A vacina JÁ está a caminho para a Grã-Bretanha: os primeiros caminhões carregados com doses deixam a Bélgica - mas teme que o NHS salte os lares de idosos para a vacina, pois Boris avisa que há 'desafios logísticos' para levá-la aos idosos e seus cuidadores

Os caminhões carregados com os primeiros lotes da vacina contra o coronavírus da Pfizer / BioNTech já estão a caminho da Grã-Bretanha depois que o jab selou a aprovação do regulador médico do Reino Unido - em meio à confusão sobre quem será o primeiro a ser inoculado.

Milhares de doses da vacina foram enviadas das fábricas da Pfizer na Bélgica esta manhã poucas horas depois de receber a luz verde da Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA), tornando a Grã-Bretanha o primeiro país do mundo a ter uma Covid clinicamente autorizada -19 jab. As doses podem chegar à Grã-Bretanha já amanhã, disseram as empresas.

O secretário de Saúde Matt Hancock afirmou que o fim da pandemia está agora "à vista", mas avisou que a implantação será "um dos maiores esforços logísticos civis que enfrentamos como nação". Boris Johnson declarou que a vacina 'nos permitiria recuperar nossas vidas e fazer a economia andar novamente' - mas o PM também alertou os britânicos não devem 'ter esperanças' sobre uma rápida implantação do jab.

Cerca de 800.000 doses da vacina da Pfizer - que requer duas doses tomadas com 21 dias de intervalo - estarão disponíveis 'a partir da próxima semana'. O Reino Unido pré-encomendou 40 milhões de doses no total, com 10 milhões para o final de 2020 e o restante no próximo ano.

Mas há uma confusão crescente sobre quais grupos receberão as primeiras doses. O Comitê Conjunto de Vacinação e Imunização (JCVI) publicou sua lista de prioridades Covid-19 hoje, informando que os residentes de lares e a equipe que os trata devem ser os primeiros na fila a serem vacinados.

No entanto, as autoridades advertiram que não podiam prometer que as casas de saúde receberiam a vacina antes de qualquer outra pessoa, admitindo que 'se isso é ou não factível depende da implantação e implementação'. A vacina da Pfizer / BioNTech bloqueia 95 por cento das infecções por Covid-19, de acordo com resultados de testes que mostram que funciona tão bem entre pessoas com mais de 65 anos, que estão em maior risco de contrair a doença.

Seja um parceiro do nosso Blog: Fale conosco.

Segue o "Águas da vida" no Facebook


O romance do ano:
Adelaide - A Duquesa

 

 

Comentários